A fanfarra cigana. Conhece?

Quando se fala em música cigana a maioria das pessoas logo lembra Gypsy  Kings, obviamente. Acredito que, antes deles, ninguém tenha divulgado tanto este estilo de música por estas bandas (‘Sandra Rosa Madalena’ não vale, hein, rs). O grupo “Los niños de Sara” também foi ouvido por aqui em companhia da cantora israelita  Alabina, com esta música.  Embora não se trate de uma  melodia tipicamente cigana,  já a vi sendo bastante utilizada em algumas apresentações. Tanto num caso, como no outro, o que predomina nestas músicas é a ‘pegada’  aflamencada e o língua espanhola. Por causa disso, é comum as pessoas acharem que a música cigana existe somente neste formato.

Na semana passada, durante o curso, tivemos contato com um estilo musical muito alegre, a Fanfarra Cigana. Ao que tudo indica, é um estilo de música presente no leste europeu (Albânia, Bulgária, República Tcheca, Croácia, Estônia,  Hungria, Lituânia, Polônia, Romênia, Rússia,  Ucrânia, dentre outros). Nele, são usados instrumentos comuns à uma fanfarra, (daquelas que a gente vê na comemoração dedatas cívicas por aqui), os metais como: clarinete, trompete, saxofone e alguma percussão. As músicas costumam ser aceleradinhas e os passos são curtos e rápidos também, acompanhando a velocidade da canção, que também é bem festiva.

Escuta uma delas aqui, acho que você vai gostar. Já nessa, vai poder perceber o quanto rápida pode ser este tipo de música. Ela começa devagarzinho e, aos 2 minutos, se tranforma num correria só!

Bisóia os ‘moço’ em ação:

Diferente e delicioso!

Anúncios